SegredosDoVinho

Taças adequadas

As taças adequadas para degustar o vinho

Para degustar o vinho, é necessário utilizar taças adequadas para este fim. Você deve escolher taças de cristal ou vidro fino, pois melhoram a sensação gustativa do vinho. 
     Muitos livros que tratam sobre enofilia, recomendam taças com fina espessura de vidro ou cristal, alegando preservar o vinho gelado por mais tempo.  

          Este é um conceito errado, pois após detalhada análise e discussão com diversos docentes e discentes de fenômenos de transporte e transmissão térmica da Escola de Engenharia Mauá, chegou-se à conclusão que uma taça com parede de espessura maior, mantém a temperatura mais estável do que uma taça fina. Portanto, escolher uma taça fina, apenas cumpre a função de melhorar a sensação de contato do vidro com a nossa boca.

“Quanto menor a espessura do vidro, maior a taxa de variação da troca de temperatura entre o vinho e a taça (em outras palavras, o vinho esquenta mais rápido)”.

     A haste da taça deve ser longa (esta sim ajuda também a evitar aquecimento do vinho).   
     Taças de vinho branco, são menores que as de vinho tinto. Isso porque vinhos brancos devem ser servidos sempre gelados, e a taça menor, implica uma reposição constante do vinho branco que deverá permanecer em um balde com gelo.   
     Taças de champagne (flute) têm diâmetro pequeno e são compridas. Esse design alongado permite manter o perlage (as bolinhas) do champagne por mais tempo.   
     No geral, você precisa apenas de 4 tipos de taça em uma refeição: Água, Champagne, vinho tinto e vinho branco. Quem quiser ir mais além, pode ter taças menores para vinhos doces ou vinho do porto.

      

Porém no dia-a-dia, normalmente não consumimos todos os tipos de vinhos. Caso sirva apenas um tipo de vinho, coloque à mesa, apenas a taça de água e a taça do tipo de vinho que irá servir.

 


Taças de Degustação Técnica – INAO (ISO 3591:1977)

A taça padronizada de degustação técnica de corrobora para que as degustações de Vinhos ocorram sempre eliminando interferência do uso de taças diferentes (o que poderia induzir a pequenas variações nas percepções organolépitcas dos vinhos).

A taça de referência mundial é a taça de vinho INAO, uma ferramenta definida por especificações da Associação Francesa de Normalização (AFNOR), que foi adotada pelo INAO como a taça oficial em 1970, recebeu sua norma AFNOR em junho de 1971 e sua norma ISO (International Organization for Standardization) ou Organização Internacional de Padronização 3591 em 1972 e revisado em 1977. O INAO não apresentou arquivo no Instituto Nacional de Propriedade Industrial, portanto é copiado em massa e vem substituindo gradativamente outros copos de degustação no mundo.

O vidro deve ser de cristal de chumbo (9% de chumbo).

Sua forma proporciona um volume total que pode variar entre 210mL e 225mL e suas dimensões são definidas da seguinte forma:

  • Diâmetro da borda: 46 mm
  • Altura do cálice: 100 mm
  • Altura do pé: 55 mm
  • Diâmetro do ombro: 65 mm
  • Diâmetro do pé: 9 mm
  • Diâmetro da base: 65 mm

A abertura da boca da taça é mais estreita que o bojo, para concentrar o bouquet. Embora a capacidade seja de até 225ml, é projetada para verter um derramamento de aproximadamente 50ml de vinho a cada gole.

*Fonte: https://www.iso.org/obp/ui/#iso:std:iso:3591:ed-1:v1:en ISO 3591:1977(en)

Taças Riedel: Uma para cada tipo de vinho    

Para os amantes do vinho e degustadores profissionais, existem no mercado, diversas empresas que fabricam taças desenvolvidas especialmente para ressaltar cada tipo de vinho. Entre essas empresas, destaca-se a austríaca “Riedel”, que fabrica as mais perfeitas e exclusivas taças para vinhos no mundo. Na linha apresentada abaixo, a Riedel disponibiliza ao público conhecedor, 20 modelos de taças para vinhos e mais 5 modelos para outros tipos de drinks e coquetéis.,   

BordeauxSyrahTempranillo
Brunello di
Monttalcino
Borgonha 
ZinfandelAusleseChampagneChampagne
Cuvée
Bagaceira 
Sauvignon
Blanc
RieslingChardonnay
(Chablis)
Borgonha
(Chardonnay)
Rheingau 
Licorosose
doces

Vinho do
Porto

Degustação
técnica
Gourmet
Água
 

Sakê
CongnacDestilados
em geral

Martini
Whisky   
*Fotos utilizadas com exclusividade por SegredosDoVinho, sob licença da Riedel-Áustria www.riedel.com. Os direitos autorais das imagens pertencem a Riedel-Áustria

Como as taças são fabricadas